Ney Santos e vereadores tomam posse em Embu das Artes
02/01/2021 10:53 em Taboão da Serra e região

O prefeito reeleito Ney Santos (Republicanos) toma posse de seu segundo mandato em Embu das Artes, na Grande São Paulo, nesta sexta-feira (1º). Além dele, 17 vereadores assumem os cargos na Câmara Municipal para a legislatura 2021-2024.

Claudinei Alves dos Santos tem 40 anos, é casado, declara ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a ocupação de prefeito e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 2.066.686,85. Já o vice Hugo Prado, do MDB, tem 32 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 526.895,00.

Em dezembro, a Justiça chegou a cassar a chapa eleitoral que reelegeu Ney Santos, após uma ação proposta pelo PSOL, que denunciou o então candidato por “extrapolar o limite da publicidade” ao fazer publicações em jornais em seu nome.

No entendimento do juiz eleitoral Gustavo Romero Fernandes, da 341ª Zona Eleitoral de Embu das Artes, a atitude configurou abuso de poder econômico e, portanto, desrespeitou a Constituição e a Lei Eleitoral. Ele recorreu da decisão e o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) suspendeu a cassação da chapa.

Veja quem são os vereadores eleitos:

  • Gilson Oliveira, do Republicanos, tem 52 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino fundamental incompleto. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 363.682,25.
  • Ricardo Almeida, do Republicanos, tem 40 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino fundamental completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Gideon Santos, do Republicanos, tem 49 anos, é casado e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 168.744,32.
  • Dede, do Republicanos, tem 57 anos, é casado e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 15.000,00.
  • Índio Silva, do Republicanos, tem 42 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 79.565,20.
  • Alexandre Campos, do PTB, tem 41 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de corretor de imóveis, seguros, títulos e valores, e tem ensino superior completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Adalto Batista, do PSDB, tem 60 anos, é solteiro e tem ensino médio completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Betinho Souza, do PSD, tem 45 anos, é solteiro e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 15.000,00.
  • Bobilel Castilho, do PSC, tem 42 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino fundamental completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 60.603,79.
  • Rochinha Mandato Coletivo, do Podemos, tem 38 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de corretor de imóveis, seguros, títulos e valores, e tem ensino superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 120.000,00.
  • Abel Arantes, do PL, tem 35 anos, é casado e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 80.000,00.
  • Joãozinho da Farmácia, do PL, tem 44 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de farmacêutico e tem ensino superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 34.556,12.
  • Abidan Henrique, do PDT, tem 23 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de professor de ensino médio, mas tem ensino superior incompleto. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Renato Oliveira, do MDB, tem 28 anos, é casado e tem ensino médio completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Luiz do Depósito, do MDB, tem 58 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 405.040,09.
  • Aline Santos, do MDB, tem 31 anos, é solteira, declara ao TSE a ocupação de assistente social e tem ensino superior incompleto. Ela não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Gerson Olegário, do Avante, tem 44 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 1.096.448,01.

 

Renato Oliveira é eleito presidente da Câmara

 

O vereador Renato Oliveira (MDB) foi eleito presidente da Câmara de Embu das Artes. Apenas um dos 17 vereadores não votaram no jovem para comandar o poder legislativo. Apesar de estar em seu primeiro mandato, o político é homem de confiança do prefeito Ney Santos.

“Eu tenho a grande missão de continuar o trabalho que o nosso atual vice (Hugo Prado) fez nesta Casa. Conto muito com a ajuda de todos vocês para que a gente possa continuar o trabalho da maior forma”, diz Oliveira.

 

CONFIRA COMO FICOU A MESA-DIRETORA:

 

  • Presidente: Renato Oliveira (MDB)
  • Vice-presidente: Gerson Olegário (Avante)
  • 1º secretário: Índio Silva (Republicanos)
  • 2º secretário: Betinho Souza (PSD)
  • 3º secretário: Bobileo Castilho (PSC)
  • Suplente: Abel Arantes (PL)

 

Luiz do Depósito pede afastamento e vira secretário

O vereador Luiz do Depósito (MDB) pediu licença do cargo do vereador para assumir cargo de secretário de esportes de Embu das Artes. O suplente Lucio Costa será empossado no lugar do vereador licenciado.

 

 

Veja o número de vereadores por partido:

  • Republicanos: 5
  • MDB: 3
  • PL: 2
  • Avante: 1
  • PDT: 1
  • Podemos: 1
  • PSC: 1
  • PSD: 1
  • PSDB: 1
  • PTB: 1
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rádio ESPORTESNET