Nasce um sarau, a peça de Marco Pezão
30/01/2016 12:35 em Cultura

 

 

     O apego à dramaturgia é antigo no autor. Marco Pezão, jornalista fotográfico do futebol varzeano de Taboão da Serra, está em cartaz com a peça Nasce um Sarau, com a montagem do Grupo de Teatro Laje e direção de Marco Russo.

     O desenvolvimento do trabalho começou a partir da oficina ministrada pela atriz Naloana Lima, no Espaço Clariô de Teatro, em 2013. Eram 15 participantes sem uma história que contemplasse todos, optando-se pela elaboração de um texto. 

     O tema proposto foi a da criação de um sarau. Já, que, em Taboão da Serra, em 2001, nasceu o Sarau da Cooperifa, no bar Garajão, desencadeando o atual movimento da poesia falada. Ideia acesa num rastilho de pólvora e reproduzida pela periferia de São Paulo e país. 

     O enredo trata das dificuldades para a criação do evento. O bar do Bodão ganha palco e microfone. E as personagens vivem o cotidiano da fictícia comunidade Santa Clara, seus problemas, ambições, homenagens, e amores.  

     Tendo por mote o incentivo à leitura, a literatura, a poesia escrita e falada, a montagem participa pelo segundo ano consecutivo do projeto Veia e Ventania, das Bibliotecas de São Paulo.

     A produção tem o apoio do Sarau A Plenos Pulmões, e o espetáculo está de pé graças somente a perseverança dos atores e participantes. 

     Na segunda-feira, 25 de janeiro, feriado paulistano, aniversário da cidade e do Praçarau, coletivo que se reúne há cinco anos no Conjunto Habitacional Instituto Adventista, Campo Limpo, aconteceu mais uma vez.

     Início de noite, céu aberto, e em plena praça a encenação do Nasce um Sarau contagiou o público presente. Rogério Gonzaga, Clodoaldo, e todos que proporcionaram ou lá estiveram prestigiando o encontro, gratidão!

     Em fevereiro, a companhia se apresenta na Biblioteca Municipal do Tucuruvi

     O elenco de atores é formado por: Marco Russo, Pedro, Vitão, Laura, Carol, Leninha, Tainá, Tainara, Isabela, Leonardo, Vitor Diaz, Laís, Carina, e Ariel (sonoplastia)

     Cultura é o que se planta dá! Deixe a poesia entrar na sua vida, não dói nada!

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rádio ESPORTESNET