Taboão da Serra sediou o 3º Encontro Regional da Grande Oeste Para o Enfrentamento ao Trabalho Infantil
23/03/2019 12:36 em Taboão da Serra e região

Por Vera Sampaio

O trabalho infantil é ilegal, degradante e priva crianças e adolescentes de terem uma infância saudável e feliz. Segundo estimativas da Organização Internacional do Trabalho (OIT), cerca de 168 milhões de crianças e adolescentes em todo o mundo estão submetidos a algum tipo de trabalho. Destes, 10 milhões de jovens são vítimas de escravidão. No Brasil, a Pesquisa Nacional de Amostra Por Domicílio (PNAD-2015), do Instituto Brasileiro de Pesquisa e Estatística (IBGE) apontou que 2,7 milhões de crianças e adolescentes entre 5 e 17 anos estão em situação irregular de trabalho. Mudar esta realidade é um dever de todos os cidadãos, em especial do poder público que precisa desenvolver ações e políticas para sua erradicação.

Neste sentido, a Prefeitura de Taboão da Serra, por meio da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, sediou o 3º Encontro Regional da Grande Oeste Para o Enfrentamento ao Trabalho Infantil. O encontro ocorreu em 26 de fevereiro e reuniu diversos atores sociais da Rede de Garantia de Direitos da Criança e Adolescentes das cidades de Barueri, Carapicuíba, Embu das Artes, Itapevi, Jandira, Osasco, Vargem Grande Paulista e, claro, Taboão da Serra.

À ocasião, representantes da Comissão Municipal de Erradicação do Trabalho Infantil de Taboão da Serra (COMETI) falaram sobre suas contribuições para a superação do trabalho infantil no município. Com o tema “Unidos contra o Trabalho Infantil”, a KM Consultoria apresentou as boas práticas adotadas pela empresa e demonstrou como a conscientização pode ser realizada de forma criativa.

De acordo a técnica do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, Claudia Martins, o objetivo do encontro foi articular ações entre os oito municípios da Região Grande Oeste. “Objetivamos trocar experiências e ampliar as práticas de enfrentamento ao trabalho infantil. Por isto, convidamos instituições públicas e privadas para participar deste encontro que fomenta a criação de um Fórum Regional de Erradicação do Trabalho Infantil”, explica.

A secretária de Assistência Social Arlete Silva considera a criação do Fórum é algo necessário. “O Fórum Regional da Grande Oeste tem a iniciativa do Ministério Público do Trabalho de São Paulo e do município de Jandira. A criação deste espaço é algo imprescindível para a construção de um diálogo regional que visa à superação da situação do trabalho infantil”, afirma Arlete Silva.

Já a Coordenadora de Supervisão da Assistência Social da região do Campo Limpo, Sra. Cida Junqueira parabenizou o trabalho e a interlocução desenvolvida por toda equipe da Política de Assistência Social de Taboão da Serra.

O encontro contou ainda com apresentação cultural de crianças e adolescentes atendidas pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do CRAS Pirajussara. Uma das participantes foi a jovem Nicolly Martello, 13 anos, que é representante de Taboão da Serra no Comitê Nacional de Adolescentes pela Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (CONAPETI).

Serviço:
Secretaria de Assistência Social e Cidadania
Programa de Erradicação ao Trabalho Infantil (PETI)
Rua Luís Carlos Ventura, 79, Jardim Pirajuçara
(11) 4138-8040

Conselho Tutelar de Taboão da Serra
Avenida Doutor José Maciel, 273, Jardim Maria Rosa
Tel.: (11) 4786-4815 ou (11) 94147-7875

COMENTÁRIOS
Rádio ESPORTESNET