Com um a menos, Palmeiras arranca empate heróico no Argentina e ainda sonha com vaga
07/04/2016 10:52 em Esportes

 

Por Charlene Sant'Anna - ESPORTESNET - Foto: César Greco/Palmeiras/Divulgação

     Apesar de todo o retrospecto positivo a favor do time argentino, o Palmeiras tinha tudo pra trazer de Rosário os tão sonhados três pontos e quebrar o segundo jejum em menos de uma semana. O time argentino que não perde há 493 dias ficou atrás do marcador duas vezes mas soube aproveitar as falhas infantis do Verdão e continua imbatível em casa contra times brasileiros. 

     Mesmo jogando contra um time forte e que se mantém invicto há mais de um ano em seu estádio, o empate foi amargo para o Palmeiras devido as grandes chances que teve de vencer a partida. A equipe de Cuca lutou com suas limitações e mantém viva a chance de classificação. O empate serviu ao menos para manter o time respirando com a ajuda de aparelhos, e agora não basta apenas fazer sua parte na última rodada, mas também depender dos demais resultados. 

     Gabriel Jesus foi brilhante. Fez dois gols em solo argentino e não se intimidou diante dos hermanos. Esse menino de ouro ainda vai dar muitas alegrias ao torcedor palmeirense. Mesmo expulso de forma injusta deixou recado e mostrou com quantos paus se faz uma canoa. Fernando Prass preciso e cada dia mais Ídolo fez o que todo brasileiro pede contra times argentinos, catimbou. E por pouco, muito mesmo não pegou mais uma penalidade.

     Serão oito dias de angústia até o jogo mais importante do ano para o Verdão. Uma simples goleada diante do River Plate genérico já ajuda. Depois a torcida fica por conta de uma outra goleada no outro jogo do grupo entre Nacional ou Rosário Central. Esses dois só não podem empatar entre si.

     Haja coração Nação Palestrina!

     E como diz o grito de guerra do campeão do século:

     Scoppia Che La Vittoria É Nostra!

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rádio ESPORTESNET