Participe de nossa pesquisa de opinião

Sport abre vantagem importante, mas Ponte marca gol que pode ser decisivo
13/09/2017 - 23h14 em Esportes

Em Recife, na Ilha do Retiro, o Sport fez 3 a 1 na Ponte-Preta e abriu boa vantagem nas oitavas de final da Copa Sul-Americana. A situação poderia ser ainda pior para os campineiros, que ‘acharam’ um gol no fim do jogo e deixaram a situação um pouco menos complicada para o duelo de volta, no Moisés Lucarelli, dia 20. Sem Emerson Sheik, poupado, Gilson Kleina apostou em Léo Gamalho no ataque ao lado de Lucca. Vanderlei Luxemburgo avançou Mena na ponta esquerda e deixou Sander fixo atrás para contar as subidas de Nino Paraíba. 

Quarta-feira que vem, a Ponte Preta pode ficar com a vaga se conseguir um 2 a 0 no placar, graças ao gol marcado fora de casa. Mesmo assim, a situação do Sport segue favorável. Um gol do Leão na casa dos paulistas complicará e muito a tarefa da Macaca. Antes de tudo isso, ambos têm compromisso pelo Campeonato Brasileiro. Domingo o Sport encara o Flamengo no Rio. Um dia antes, a Ponte Preta recebe o Atlético-GO em Campinas.

O primeiro tempo teve poucas chances de gol, mas o Leão ditou o ritmo do confronto. E em dois escanteios o Sport começou a construir sua vitória. Logo aos sete minutos, Diego Souza obrigou Aranha a executar um milagre. No rebote, Ronaldo Alves estufou as redes. A jogada se repetiu aos 44. Dessa vez, o goleirão da Ponte nada pôde fazer depois de bela testada de Rithely.

Na etapa final, o time de Campinas ficou exposto e deu diversos contra-ataques para os donos da casa. Aranha trabalhou, Marllon salvou bola em cima da linha, Rithely acertou a trave. O terceiro gol veio após um escanteio. Dessa vez, Leo Gamalho afastou mal e deixou a bola limpa para Raul Prata, que só teve o trabalho de cruzar no pé de André. 3 a 0 fácil. Gilson Kleina fez sua última aposta. Claudinho entrou no jogo. E aos 37, o jovem atacante armou o contra-ataque que acabou com a conclusão de Felipe Saraiva para as redes. Um gol que manteve a Ponte Preta viva na briga.

 

FICHA TÉCNICA

SPORT 3 x 1 PONTE PRETA

 

Local: Estádio Ilha do Retiro, em Recife (PE)

Data: 13 de setembro de 2017, quarta-feira

Horário: 19h15 (Brasília)

Árbitro: Gustavo Murillo (COL)

Assistentes: Humberto Clavijo (COL) e Wilmar Navarro (COL)

Cartões amarelos: SPORT: Durval, Diego Souza, Sander. PONTE PRETA: Danilo Barcelos, Nino Paraíba, Fernando Bob

Público: 6.254 pessoas

Renda: R$ 114.825,00

 

GOLS:

SPORT: Ronaldo Alves, aos 7, e Rithely, aos 44 minutos do 1T. André, aos 30 minutos do 2T

PONTE PRETA: Felipe Saraiva, aos 37 minutos do 2T.

 

SPORT: Magão; Raul Prata, Durval, Ronaldo Alves e Sander; Patrick, Rithely e Diego Souza; Lenis (Rogério), André (Anselmo) e Mena

Técnico: Vanderlei Luxemburgo

 

PONTE PRETA: Aranha; Nino Paraíba (Claudinho), Marllon, Luan Peres e Danilo Barcelos; Naldo, Fernando Bob, Elton (Renato Cajá) e Felipe Saraiva; Lucca (Jeferson) e Léo Gamalho

Técnico: Gilson Kleina

 

Foto: Divulgação/SCR

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rádio ESPORTESNET