Almanaque do Jornalismo Esporte Clube: José Cabral, o "Moço da Maricota"
13/07/2017 17:25 em História E.C.

O "Almanaque do Jornalismo Esporte Clube" dessa semana homenageia o ex-narrador esportivo José Cabral, o "Moço da Maricota". Um dos nomes mais icônicos do rádio carioca no Século XX, Cabral teve uma longa carreira e foi, além de narrador, repórter de campo e apresentador.

José Cabral ganhou seu apelido porque chamava a bola de "maricota". Chegou à Rádio Globo em 1959, onde foi repórter e fez inúmeras pontas sob a narração titular de Waldir Amaral. Mais tarde, passou ele a ser o narrador e trabalhou nas rádios Guanabara, Roquete Pinto, Tupi, Nacional, Record, Jornal do Brasil e Tamoio. Entre seus momentos mais marcantes na narração, estiveram títulos cariocas e brasileiros dos clubes do Rio de Janeiro, dos anos 60 aos 90.

Na Rádio Nacional, teve mais de uma passagem e obteve grande sucesso. Foi apresentador do "Bate-Bola Nacional", tradicional resenha esportiva que está no ar até os dias atuais. O último trabalho do narrador foi na própria Nacional, em 2005, quando se aposentou. Vascaíno de coração, Cabral era sócio bememérito do clube de São Januário e já foi Presidente da Assembleia Geral. Também era oficial de reserva da Aeronáutica e faleceu em 2016 aos 87 anos.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rádio ESPORTESNET