Defesa Civil Taboão da Serra participa de curso de Primeiros Socorros
11/03/2016 12:58 em Taboão da Serra e região

 

 

Por Charles Eliseu (texto e foto)

 

     Cerca de 50 funcionários da Defesa Civil de Taboão da Serra participaram do curso de Primeiros Socorros, ministrado pela equipe do SAMU de Taboão da Serra. O evento foi realizado no auditório do TaboãoPrev, no dia 4 de março.

     A iniciativa teve por objetivo preparar a equipe da Defesa Civil para situações onde as possíveis vítimas necessitem de cuidados prestados rapidamente em acidentes ou mal súbito. Os agentes receberam instruções de como lidar com casos corriqueiros com que de deparam, como intoxicação e engasgamento.

     O coordenador da Defesa Civil, Mario Gomes, ressaltou que o treinamento é fundamental para as atividades dos agentes. “Esse treinamento é importante para que a Defesa Civil possa salvar vidas nas ações em que é acionada, tais como acidentes de trânsito e desmoronamento”, disse.

     O trabalho em conjunto é importante nesse sentido, como explicou a secretária de Saúde, Raquel Zaicaner. “Nós temos desenvolvido no governo do prefeito Fernando Fernandes essa filosofia do trabalho em rede. Essa inclusive é uma orientação que temos do nosso prefeito, para que possamos potencializar os recursos existentes”, falou.

     Ela destacou também que o curso traz conhecimentos necessários para a ação da Defesa Civil. “A Defesa Civil muitas vezes é a primeira a ser chamada em situações de emergência, de desabamento, de desmoronamento, de enchente. Então, acreditamos que com esse treinamento, a equipe da Defesa Civil ficará ainda mais capacitada para fazer esse primeiro socorro, uma vez que muitas vezes ela consegue acessar locais antes mesmo do SAMU e da Secretaria de Saúde serem acionadas”.

     Para Gilvan Medeiros, que há mais de 13 anos integra a equipe da Defesa Civil, os ensinamentos do SAMU serão essenciais. “Para nós é fundamental possuir essas instruções, pois nos dá condições de lidar com diversas situações que surgem em ocorrências como incêndios e desmoronamentos”, destacou.

COMENTÁRIOS
Rádio ESPORTESNET