Participe de nossa pesquisa de opinião

Abre Aspas Exclusivo: Bunyu Izuka
27/02/2017 - 14h18 em Esporte Especial

A nossa conversa dessa semana é com o goleiro mais velho do Brasil segundo o Rank Brasil Livro de Recordes Brasileiros com todas as sumulas do Campeonato da Copa Nippon. Abre  Aspas dessa semana entrevista Bunyu Izuka, um goleiro com história para contar no futebol de São Paulo e que atualmente faz parte do projeto da "Academia de Goleiros Fechando o Gol do Zetti", que tem como um dos sócios o ex goleiro do São Paulo Zetti. 

 

Vagner: Você é preparador de goleiros?

 

Bunyu: Quem me dera, não sou e nem quero ser. Sou o goleiro mais velho do Brasil em atividade.

 

V: Por qual clube atua?

 

B: Jogo no super master do Nippon Country Club, que tem 2 campeonatos por ano, cada campeonato novo sorteio do jogadores e treino na Academia de Goleiros Fechando o Gol do Zetti.

 

V: Anteriormente atuou como goleiro em uma equipe sem que fosse máster, vivia da profissão?

 

B: Joguei em vários times da várzea do interior e de São Paulo. A foto (capa dessa matéria) é do juvenil do Paulista F.C. de Guaiçara.

 

V: A Academia de Goleiros Fechando o Gol do Zetti foi criada por ele, é para a formação de goleiros?

 

B: São 3 sócios, o Zetti que cede o nome, o ex atacante do SPFC Fabio Mello que jogou no tempo do Caio Caioba Ribeiro, e o goleirão Guilherme Setubal. A Fechando o Gol é para treinar goleiros seja qual for a categoria, inclusive profissionais que treinam para manter a forma. Também para goleirinhos a partir de 7 anos.

 

V: Como vê os goleiros dos grandes clubes na atualidade, temos bons nomes como Zetti, para você quais seriam os goleiros da Seleção Brasileira?

 

B: Jeferson (contundido), Sidão, e Cassio, sendo que este precisa fazer um treinamento na F.G. para corrigir alguns defeitos.

 

V: Em uma época que todos os garotos querem serem atacantes, algum deixou a posição para treinar como goleiro?

 

B: Que eu saiba atacante para goleiro nunca vi, mas aparecem vários adultos que nunca jogaram no gol e querem aprender, esses os professores vibram porque são caras super esforçados.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rádio ESPORTESNET